Nos dias 2 e 3 de abril, Fartura recebeu a oficina de grafite intitulada “No Olho da Rua”, sob coordenação de Carolina Teixeira (Itzá).
As aulas aconteceram de forma teórica e prática em dois lugares, sendo na Biblioteca Municipal “Professor Roberto Moreira” e na Pista de Skate.
O oficina foi uma parceira entre a Secretaria Municipal de Cultura, Oficinas Culturais, Poiesis  e Prefeitura de Fartura. 
A ação estabeleceu um primeiro contato dos participantes com o universo do grafite. Longe de pretender esgotar o tema, apresentou um panorama das questões e da diversidade de linguagens do grafite feito no Brasil. Além da parte teórica e da roda de discussão, foi confeccionado o Blackbook dos participantes, livro de artista tradicional na cultura do grafite, importante para o registro e desenvolvimento da linguagem pessoal de cada um. A experiência com as vertentes à mão livre (freehand) e estêncil, e as noções técnicas básicas envolvidas foram trabalhadas, culminando com a realização de um mural coletivo.
CAROLINA ITZÁ
Carolina é formada Ciências Sociais pela FFLCH/USP e desde outubro de 2012 integra o grupo de pesquisa “Cidade, Infância e Juventude: fotografia como recurso didático em Ciências Sociais” da FEUSP/USP. Foi educadora do ateliê de artes visuais das fábricas de cultura do Capão Redondo, tem diversas experiências no trabalho educativo com jovens. Compõe o Coletivo Sarau do Elo da Corrente, com quem idealizou trabalhos de xilogravura e cordel.